magazine RISCO ZERO n3 - page 7

/7
ENTREVISTA A
O que é Plano Nacional de Formação de Quadros?
Permita-me que comece por realçar que Angola está a escrever uma nova página na
sua história. Nos últimos anos, o nosso país está a atravessar um processo estrutural
de modernização e de desenvolvimento diversificado e sustentável, centrado num cres-
cimento estável, pelo que se torna fundamental a valorização e promoção do recurso
mais valioso que o país possui, os recursos humanos nacionais.
O nosso modelo de desenvolvimento preconiza entre outros aspectos, a promoção do
emprego qualificado e remunerador, sendo por isso necessário preparar os angolanos
para esse desiderato, o que levou o Executivo angolano a elaborar o Plano Nacional de
Formação de Quadros.
O Plano Nacional de Quadros (PNFQ) é um instrumento de concretização do conjunto
de orientações que decorrem da Estratégia Nacional de Formação de Quadros, para
a qualificação de quadros nacionais, em particular nos domínios estratégicos de for-
mação, em que se verifica uma maior carência de disponibilidade de competências. O
PNFQ prevê um conjunto de acções transversais que conduzirão a uma transformação
do Stock Nacional de Quadros.
Espera-se que com a implementação do Plano a percentagem de pessoal não qualifi-
cado e indiferenciado reduza de 52% para 20%, que os técnicos auxiliares aumentem de
20% para 50%, que os quadros médios passem de 13% para 22%, e que a percentagem de
quadros superiores passe de 5% para 8%. Como podemos ver, há claramente uma maior
aposta na formação de quadros técnicos e médios.
DR.
EDSON BARRETO
Coordenador da Unidade Técnica de Gestão
do Plano Nacional de Formação de Quadros
O PLANO NACIONAL DE
FORMAÇÃO DE QUADROS
(PNFQ, 2013-2020)
1,2,3,4,5,6 8,9,10,11,12,13,14,15,16,17,...68